O Custo de um Visto Australiano

Viajar para o Exterior e obter o Visto Australiano certo, estudar na Austrália, fazer um intercâmbio para a Austrália, ou trabalhar na Austrália pode ser mais fácil e acessível do que você imagina.


Nós todos sabemos que viajar para o exterior não é exatamente o luxo mais barato do mundo, e ainda por cima, você tem que pagar pelos pedidos de visto para entrar em determinados países, como a Austrália. Enquanto o processo de pedido de visto pode ser um incômodo, felizmente existem diversas empresas e agências que podem orientar e ajudar através de uma preparação incluída no processo do candidato ao visto. A desvantagem é que na maioria das agências você poderá gastar o dobro ou até mesmo o triplo do preço do custo de um Visto Australiano devido a "taxa de consulta" ou alguma outra taxa da agência. Felizmente para você, nós da Synch1 não só realizamos um trabalho completo e rápido, mas nossos serviços também são acessíveis, entre o saldo final a qualidade e o preço. Em vez de simplesmente dar-lhe uma demonstração financeira resumida, nós da Synch1 oferecemos uma demonstração financeira precisa e detalhada do custo total do Visto Australiano.


O primeiro componente do seu custo do Visto Australiano é a VAC - Taxa de Solicitação de Visto - A Comissão de Aplicação ao Visto é a quantidade de dinheiro que você é cobrado para o seu pedido de visto, que é pago em Dólares Australianos e uma despesa não reembolsável mesmo se o seu pedido for indeferido. VAC - Taxa de Solicitação de Visto - revistos anualmente sempre no primeiro dia do Mês de Julho, por isso, há sempre uma chance de que o valor possa aumentar, e gerar um aumento no custo do Visto Australiano. O VAC - Taxa de Solicitação de Visto - está sempre incluído em sua declaração de custo do Visto Australiano, não importando o tipo de visto a que você está se candidatando.


Os outros custos e despesas que vêm com o pedido de visto podem variar dependendo do tipo de visto escolhido. Existem vários tipos de vistos que estão disponíveis para os candidatos: o visto de trabalho, o visto de migração, visto de turista, visto de estudante, visto empregador, entre outros. Para o visto do trabalhador, é classificada em duas categorias - empregador patrocinado, onde os candidatos são reconhecidos através de suas habilidades e são patrocinados por empregadores Australianos ou no exterior; enquanto o outro tipo é para profissionais e outros migrantes qualificados. O custo do visto temporário de trabalho consiste na cobrança de uma taxa que varia de acordo com os diferentes tipos de vistos solicitados, a comissão de nomeação, e a carga de patrocínio. O visto de trabalho permanente, por outro lado é mais caro e feito em duas parcelas, sendo a primeira parcela para o custo Visto Australiano e esta baseado se o requerente ao visto vive dentro ou fora da Austrália. A segunda parcela é para aqueles candidatos que têm pouco ou nenhum conhecimento de língua Inglesa.


Para se candidatar a um visto como um turista é muito mais barato do que o visto de trabalhador, pois, além do fato de que a duração da estadia é curta, a única despesa feita ao se aplicar para o visto é o visto de turista em si. Para o visto de estudante, que é para as pessoas que desejam estudar na Austrália, o custo inclui uma Contribuição de Educação Internacional, que apoia a educação internacional pelo governo. Esta contribuição é cobrada ao candidato juntamente com a Taxa de Solicitação de Visto, bem como a permissão para despesas de trabalho.